MACRO – Museu de Arte Contemporânea

Duração 3 horas.
Fones de ouvido obrigatório para grupos.
Reserve >

O Museu de Arte Contemporânea de Roma, conhecido pelo acrônimo MACRO, fica na Rua Nizza, bem no centro do bairro Nomentano-Salario e representa um raro exemplo de arqueologia industrial. O edifício, agora Museu que iremos visitar era a fábrica da cerveja Peroni que acabou fechando no ano 1974 e se tornou propriedade do Município de Roma. A reforma do prédio iniciou junto com um programa de recuperação dos serviços públicos do bairro.


Visita Guidata MACRO
© www.museomacro.org


As áreas expositivas e os depósitos realizados resultaram totalmente insuficientes, por isso a imagem e o funcionamento do conjunto do museu foram mudados por um concurso de planejamento no ano 2000 que adequou as exigências expositivas da arte contemporânea aos espaços existentes e também aos espaços urbanos ao redor. Um arquiteto francês realizou a totalidade da reforma e ligou as salas expositivas (estendidas por 4350 mq.), o vestíbulo, o auditório e o terraço por meio de escadarias, elevadores, varandas e percursos que mostram perspectivas variadas, tornando assim a arquitetura do lugar cada vez mais nova e encantadora.
Outro núcleo do Museu fica no bairro Testaccio, sendo um complexo de edifícios do século XIX antigamente destinado a matadouro. Nesta área da cidade acontecem eventos artísticos, manifestações culturais, principalmente para um público jovem.


MACRO Museo d’Arte Contemporanea di Roma
© www.museomacro.org


Os originários pavilhões do Macro, edificados por Gioacchino Ersoch entre 1888 e 1891, testemunham a passagem da arquitetura clássica à moderna e representam um importante exemplo de arquitetura industrial monumental do século XIX. O Macro é um centro da arte contemporânea a caráter polivalente que, conservando a própria identidade urbana, fortalece a ligação com a comunidade em todos os âmbitos artísticos, culturais e intelectuais. A visita guiada do museu abrange vários tipos de artistas: os do final do século XX, os dos anos noventa até às últimas gerações da “Street Art”. A localização do Macro na Rua Nizza e em Testaccio representa um ponto inicial para gerar uma ponte entre o centro e a periferia da cidade por meio da arte contemporânea. Os visitantes podem curtir uma visão ampla sobre as tendências culturais e seus principais protagonistas e apreciarem as obras de artistas internacionais que escolheram Roma come importante centro da cultura do século XX e do século atual.